Resenha Espírita
Brasília/DF - Brasil
Edição: Dezembro/2009
Última atualização: 29/janeiro/2010
Editorial

Foi um ano vertiginoso. Manchetes substituindo-se aceleradamente, causando perplexidade e alguma perturbação. Conquistas científicas ao lado de escândalos revelados com retumbância. Crescimento modesto e perseverante de iniciativas de caráter humanitário abafado pelo alarde explosivo de organizações criminosas. Vamos chegando ao fim do ano aturdidos e algo melancólicos... O mundo está piorando? … Não há mais como melhorar?

E chega o Natal. Não é mais como costumava ser, mas ainda é...

A perspectiva da festa não parece alegrar, a chegada de presentes não consegue satisfazer. O tempo está levando a aura tradicional da celebração... Mas ficou a essência!

É ainda Jesus, o aniversariante, que vem consolar, esclarecer, iluminar...Se há que mudar, tem que partir de dentro de cada um, e se não acreditamos mais em nós, lembremos que Ele acreditou, investiu e ainda espera que finalmente nós também acreditemos e cresçamos, pondo fim à insensatez e construindo o nosso Mundo de Regeneração.

Que seja um Natal de paz, luz e reflexão, preparando-nos para nossa renovação e participação no processo de crescimento moral de nosso bairro, nossa cidade, nosso país, nosso mundo.

Volta ao topo da página
Inicial Obras Básicas Matérias Entrevista Quadrinhos Links Arquivo

Fale conosco: resenha@resenhaespirita.com.br